Crônica “Como nascem as histórias” – 13.04.2013

Ilustração para crônica de Jura Arruda

Ilustração para crônica de Jura Arruda

“De um olhar. É invariavelmente assim que nascem as histórias, as de amor e as de guerra, as infantis e as científicas. Toda e qualquer história nasce de um olhar. O olhar que brilha ao encontrar outro olhar que brilha pode dar início a uma história de amor, ou uma tragédia se um dos donos do olhar que brilhar tiver um compromisso com outros pares de olhos que já brilharam um dia. É também das retinas umedecidas que nascem as mais belas amizades ou memórias inesquecíveis.Ao escritor também é primordial o olhar, aguçado e generoso que percebe o detalhe e a grandeza do que se viu; atento e astuto que não perde a coisa vista, nem o porvir de uma boa história que se apresenta gratuitamente ao grande observador. É, pois do olhar que nascem as histórias….”

mendes 2013 entre em contato
publicado no jornal Notícias do Dia 13.04.2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s