Crônica “Viajar não é preciso” – 02.10.2012

Ilustração para a crônica de Donald Malschitzky

“O título é um pouco para brincar com a frase imortalizada por Fernando Pessoa, que usou o verbo “precisar” como sinônimo de “necessitar”, repetindo Petrarca, que adaptou “Navigare necesse, vivere non est necesse”,  criada pelo general Pompeu para dar coragem aos marinheiros apavorados,  para “Navegar é preciso, viver não é preciso”.  Mas navegar é preciso, porque é apoiado por instrumentos que permitem a leitura de coordenadas, ventos etc., e assim determinar onde e como se quer chegar. Já a vida não tem precisão alguma e vive a nos pregar peças….”

©mendes 2012 entre em contato
publicado no jornal Notícias do Dia 02.10.2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s