Crônica “Nua” – 08.09.2012

Ilustração para a crônica de Jura Arruda

“Depois do banho, de cabelos molhados e escorridos, e com sardas à mostra. Na boca um vermelho natural de saúde e sensualidade, e nos olhos o brilho de olhos com brilho. Os cílios naturalmente curvados e na orelha em vez de brinco, um pingo de água de chuveiro que escorreu. Toalha à mão, pele macia, mãos suaves e unhas sem esmaltes. Você ainda é mulher. É a mulher nua pela qual um homem de verdade se apaixona. Porque você, agora, depois do banho, depois de um dia inteiro, depois do amor, do cio ou da luta, depois de um dia de aparências, fruto de uma sociedade tola, pode finalmente ser essência.Mulher é mais mulher quando nua, sem saltos e brincos e pós e batons. A mulher produzida está. A mulher nua é….”

mendes 2012 entre em contato
publicado no jornal Notícias do Dia 08.09.2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s