Crônica “O que falta” – 31.08.2012

Ilustração para a crônica de Thaís de Ferrand

“Hoje, olhava a cena de uma menina que não parava de chorar ao lado de uma mãe igualmente angustiada pela frustração de não saber o que fazer. E foi inevitável não observar. Poucas coisas na vida dão tanta sensação de fim de mundo quanto o choro de uma criança. Seu rosto era uma mistura de tonalidades que iam de do roxo ao vermelho, de tanto fazer esforço. Os punhos, cerrados, batendo no banco. Uma roupa bonita, de passeio. E entre soluços e histerias, sem mais cartas na manga, a mãe se levantou e exclamou em direção à pequena: – Mas o que te falta, minha filha?…”

©mendes 2012 entre em contato
publicado no jornal Notícias do Dia 31.08.2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s