Samba atravessado

“O tempo fechou durante reunião de dirigentes de escolas de samba da Capital, na passarela Nego Quirido.  Em determinado momento, dois cartolas se estranharam. O presidente de uma das agremiações foi agredido verbalmente pelo representante de concorrente, que  ameaçou surrá-lo na rua. A turma do deixa disso entrou em ação e encerrou o encontro. As ameaças foram denunciadas na 1ª DP da Capital.”

Coluna do Hélio Costa 31.7.2012

©mendes 2012 entre em contato

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s